VEJA AS NOVIDADES

19 de outubro de 2013

Justiça do Acre libera parte do dinheiro para Telexfree pagar dívidas.

A juíza Thaís Borges, da 2ª Vara da Comarca de Rio Branco, autorizou ontem (18) a liberação de parte do dinheiro bloqueado da empresa Telexfree. O valor, que não foi divulgado, será pago em parcelas para sanar dívidas da construção de um hotel no Rio de Janeiro.

A decisão não interfere não suspensão das atividades da Telexfree em todo o país. A empresa continua com as atividades proibidas e os investimentos feitos pelos divulgadores continuam congelados, segundo o portal Uol.

A juíza informou que o processo iniciado após investigação do Ministério Público do Acre (MP-AC) que acusa a Telexfree de operar um esquema de pirâmide financeira continua aberto.

Derrotas 

A Ympactus Comercial Ltda – Telexfree sofreu uma derrota esta semana. A Justiça de Mato Grosso condenou a empresa a pagar R$ 301 mil a um divulgador da empresa de Alta Floresta, a 800 km de Cuiabá, como ressarcimento aos recursos investidos na compra de produtos e serviços ofertados pela companhia.

As contas da Telexfree estão bloqueadas há três mesess após pedido do MP-AC. O congelamento é para conseguir ressarcir os colaboradores que investiram no negócio.

A empresa nega ser um esquema de pirâmide e diz que atua no mercado de telefonia VoIP por meio de marketing multinível.

Fonte: Correio 24 Horas