VEJA AS NOVIDADES

5 de novembro de 2013

Grupo explode banco na PB e dinamites abalam cidade danificando casas, lojas e carros

Um grupo formado por oito homens levou pânico a cidade de Barra de São Miguel, no Cariri paraibano, ao explodir um posto avançado de atendimento do bando Bradesco na madrugada desta terça-feira (5). Devido a quantidade de explosivos, casas e lojas comerciais foram danificadas com o impacto. Um dos carros utilizados pela quadrilha foi encontrado abandonado.

Segundo informações da Polícia Militar, a ação aconteceu por volta das 3h, quando os criminosos fortemente armados invadiram a cidade. Os ladrões arrombaram a porta do posto de atendimento e instalaram os artefatos para violar o único equipamento que funcionava no local. “A explosão foi tão grande que abalou toda a cidade. Eu moro na rua do banco e sinceramente, acordei assustado, achando que havia sido um trovão, já que no último final de semana choveu bastante na nossa região”, comentou Alisson Nascimento.

O prédio que abrigava a agência estava instalado na Rua João Pinto da Silva, no Centro de Barra de São Miguel. A explosão foi tão forte que a estrutura do local desabou. Os moradores acordaram assustados porque além de explodiram o Bradesco e levarem o dinheiro do caixa que havia sido reabastecido na última sexta-feira, os criminosos fugiram promovendo um verdadeiro ‘bang-bang’ na cidade.

“Eram muitos tiros. Todo mundo ficou dentro de casa com medo. A força da explosão foi tão grande que alguns imóveis próximos do banco também foram abalados. Até vidros de veículos foram estourados com a força das dinamites” completou Alisson, que é comunicador na cidade.

Depois do crime, a quadrilha fugiu com destino a cidade Caraúbas. A Polícia Militar fez rondas, no entanto, nenhum dos ladrões foi preso.

Fonte: Portal Correio