VEJA AS NOVIDADES

6 de fevereiro de 2014

IFPB inicia pré-matrícula de aprovados em cursos técnicos.

A maioria dos campi do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB) iniciou as matrículas dos aprovados no Processo Seletivo dos Cursos Técnicos (PSCT 2014.1) De ontem (5). As datas e horários de atendimento variam de acordo com a cidade. A pré-matrícula é para os cursos presenciais e para a modalidade de Educação a Distância. Confira o edital de matrícula.

Os campi de Cabedelo, Cajazeiras, Campina Grande, Guarabira, Monteiro, Patos e Princesa Isabel realizam a pré-matrícula nas datas de 5, 6 e 7 de fevereiro para os aprovados no ensino médio integrado ao técnico. Já os aprovados para o ensino subsequente fazem a pré-matrícula de 10 a 12 de fevereiro.

Em Sousa, tanto os aprovados no subsequente quanto no integrado podem se matricular de 5 a 12 de fevereiro, exceto o fim de semana. A confirmação de matrícula está prevista para 19 de fevereiro com as listagens desses oito campi. Ainda há o período para recursos dos não matriculados.

A matrícula em João Pessoa só acontece entre os dias 10 a 14 de março para os novos alunos do integrado ao ensino médio, mas é preciso observar o dia de cada curso ser atendido. No subsequente, a pré-matrícula é de 17 a 19 de março. A confirmação está prevista para 26 de março, com prazo posterior para recurso.

No campus de Picuí, a pré-matrícula foi realizada e a confirmação de matrícula será divulgada no dia 11 de fevereiro, após a análise de toda a documentação. Só estarão efetivamente matriculados os nomes da listagem do dia 19 de fevereiro.

Os aprovados devem apresentar foto 3x4, cópias autenticadas (ou originais mais cópias) da Certidão de Nascimento ou Casamento, Carteira de Identidade, CPF, Cartão do SUS, histórico escolar e certificado de conclusão do ensino médio (para o subsequente) e fundamental (para o integrado).

Para os maiores de 18 anos é necessário a entrega da cópia do Título Eleitoral e comprovante de quitação eleitoral. Os homens devem apresentar também o certificado de alistamento militar ou dispensa de incorporação. No caso dos aprovados nas cotas, há outros documentos que precisam ser verificados no edital.

Quase 14 mil se inscreveram para as 3.678 vagas. Dessas vagas, 50% são reservadas para quem estudou na rede pública, tendo ainda cotas para etnia e 5% para pessoas com deficiência. Em Sousa, há também cota de 20% para quem vive em assentamento da reforma agrária.

Fonte: G1 Paraíba