VEJA AS NOVIDADES

15 de abril de 2014

ALPB lança Campanha de Prevenção ao Câncer de Próstata.

O objetivo é alertar sobre os cuidados que devem ser tomados para prevenir a doença e esclarecer sobre as formas de tratamento. O slogan da campanha é: "Exame de próstata, quem pede pra ele fazer, não vai perdê-lo tão cedo".
"É importante o engajamento da ALPB neste tema para que possamos esclarecer sobre a gravidade da doença. Queremos que esse assunto deixe de ser um tabu para alguns homens e que os exames sejam realizados periodicamente. Quando descoberta cedo, maiores são as chances de cura da doença", afirmou o presidente da ALPB, Ricardo Marcelo (PEN).

Na próxima terça-feira (22), será iniciada a terceira edição da Semana Estadual de Prevenção ao Câncer de Próstata. A Semana acontece em cumprimento à Lei 8.609/09, definida por meio de propositura do presidente da Casa de Epitácio Pessoa.

O presidente da Comissão de Saúde, Saneamento, Assistência Social, Segurança Alimentar e Nutricional do Legislativo, deputado Aníbal Marcolino (PEN), destacou a importância das campanhas em prol da saúde dos paraibanos.

"A ALPB sempre tem pensado em ações para alertar sobre a saúde do povo paraibano. Parabenizo a iniciativa do presidente Ricardo Marcelo junto à Mesa Diretora, que tem elaborado a Campanha de Prevenção ao Câncer com bastante empenho e obtido resultados excelentes", disse Anibal Marcolino.

Durante duas edições, a Semana Estadual de Prevenção ao Câncer de Próstata realizou atendimentos médicos, orientações e palestras sobre o assunto em várias cidades paraibanas, em parceria com a Sociedade Brasileira de Urologia. O prédio do Poder Legislativo se "vestiu" de azul, no ano passado, para destacar a importância sobre as formas de prevenção da doença.

O médico urologista Osório Abath ressaltou a necessidade da prevenção à doença. "Todos os homens precisam fazer os exames iniciais regularmente, pois quando tratado no início a doença tem grandes chances de cura. A Campanha me chamou a atenção no ano passado e esta positividade me faz ter empolgação para colaborar com a iniciativa", disse o médico.

Prevenção ao câncer
Além da Semana Estadual de Prevenção, a Assembleia Legislativa tem elaborado leis com a pretensão de facilitar o tratamento do câncer no Estado e aumentar as chances de cura. Nas últimas duas décadas, 15 leis estaduais se somam a uma extensa legislação federal que assegura os direitos e garantias dos portadores de câncer.

Dados
Em todo o Estado, semelhante ao que ocorre no País, o câncer de próstata é o que mais faz vítimas. Segundo o Sistema de Informações Sobre Mortalidade da SES, de 2001 a 2013 foram 2.479 óbitos, superando qualquer outro tipo da doença, como estômago (2.451) e pulmão (2.442).

O câncer representa a segunda causa de morte, segundo estudo do Instituto Nacional de Câncer – José Alencar Gomes da Silva (Inca), atrás apenas das doenças do coração. Em relação ao câncer da próstata, foram registrados mais 60.180 casos entre brasileiros em 2012. Em 2013 foram mais de 500 mil novos casos.

Em valores absolutos, o câncer de próstata é o sexto tipo mais comum no mundo e o mais prevalente em homens, representando cerca de 10% do total de cânceres. Sua taxa de incidência é cerca de seis vezes maior nos países desenvolvidos em comparação aos países em desenvolvimento.


Fonte: Da Redação com Ascom