VEJA AS NOVIDADES

29 de abril de 2014

Dono de time de basquete é banido da NBA por comentários racistas.

 O proprietário do Los Angeles Clippers, Donald Sterling, foi banido para sempre da NBA devido a comentários racistas, informou nesta terça-feira (29) Adam Silver, comissário da liga americana de basquete.

Em conversa telefônica, Sterling reclamou do fato da namorada ter postado em uma rede social uma foto ao lado do ex-astro Magic Johnson, além de pedir para que ela não traga mais negros aos jogos da equipe.
"Os pontos de vista expressados por Sterling são profundamente ofensivos e prejudiciais", declarou Silver, referindo-se a declarações do dirigente.

Com a punição, Sterling, de 80 anos, não pode mais assistir a nenhum jogo ou evento da NBA, nem aparecer em nenhuma instalação do Clippers ou participar de decisões sobre o clube. Ele também foi condenado a pagar US$ 2,5 milhões, a maior multa prevista no estatuto da NBA.

Silver também pediu para que os donos de outras equipes exerçam sua autoridade para forçar Sterling a vender a franquia do Clippers. Pelo estatuto da liga americana, ele será forçado a se desfazer da equipe se houver um acordo entre 75% dos donos das demais franquias.

De acordo com a revista Forbes, o Los Angeles Clippers está avaliado em US$ 575 milhões. Empresário do setor imobiliário, Sterling comprou a franquia em 1981 por apenas US$ 12 milhões.

Fonte: G1