VEJA AS NOVIDADES

4 de abril de 2014

Uma das maiores cargas tributárias do mundo, Brasil tem o pior retorno de imposto à população.

Entre os 30 países de maior carga tributária do mundo, o Brasil é a nação que proporciona o pior retorno dos valores arrecadados em serviços à população, como saúde, educação, transporte, segurança e saneamento. A conclusão é de um estudo do Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação (IBPT), lançado nesta quinta-feira, que compara os 30 países de maior carga tributária em relação ao PIB (Produto Interno Bruto) e aponta a qualidade do retorno dos serviços públicos.
Segundo o estudo, os Estados Unidos ocupam a primeira posição no ranking, oferecendo o melhor retorno a seus cidadãos. Em seguida, aparecem Austrália e Coreia do Sul. Último colocado, o Brasil fica atrás inclusive de nações vizinhas, como Uruguai (13ª posição) e Argentina (21ª posição).

O destaque dessa quinta edição do estudo, que analisa a carga tributária de 2012, é a Bélgica. O peso dos tributos para o país era de 44% em 2011, o que o deixava na 25ª posição do ranking. A nação europeia reduziu sua carga de impostos para 30,70% e agora ocupa a 8ª colocação.

“O Brasil, no entanto, permanece como o último colocado e, apesar de registrar sucessivos recordes de arrecadação de tributos, ainda não oferece condições adequadas para o desenvolvimento da sociedade”, disse o presidente-executivo do IBPT, João Eloi Olenike.

Metodologia


Para mensurar o retorno dos serviços prestados à população, o IBPT criou o índice de Retorno de Bem-Estar à Sociedade (Irbes). O indicador é resultado da soma da carga tributária em relação ao PIB, que representa 15% da composição do índice, e o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), com peso de 85%.

O Irbes do Brasil é de 135,34 pontos, enquanto o dos Estados Unidos é de 165,78.

Veja os melhores colocados:

POSIÇÃO     PAÍS     PONTUAÇÃO IRBES

1º                  Estados Unidos     165,78
2º                  Austrália                163,49
3º                 Coreia do Sul         161,45
4º                 Irlanda                   160,32
5º                 Suíça                       160,18
6º                 Japão                     159,63
7º                 Canadá                  157,85
8º                 Bélgica                   155,94
9º                 Nova Zelândia      155,28
10º               Israel                    155,16
13º              Uruguai                 152,08
21º              Argentina              141,04
30º              Brasil                     135,34

Fonte: Terra