VEJA AS NOVIDADES

27 de agosto de 2014

Coronel Chaves, chefe da Casa Militar morre em acidente na BR-230.

Um gravíssimo acidente ocorrido na BR-230 matou na madrugada desta quarta-feira, 27, o coronel Fernando Antônio Soares Chaves, chefe da Casa Militar do governo do Estado da Paraíba. Ele era primo dos coronéis Euller e Kelson, respectivamente comandante e ex-comandante da Polícia Militar da Paraíba.

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, o coronel Chaves conduzia um veículo Hilux SW4.
Ele não resistiu aos ferimentos e morreu preso às ferragens. O jovem que trafegava no outro automóvel foi arremessado para fora do carro e também veio a óbito no local. O local da colisão foi isolado pela Polícia Rodoviária Federal, que está investigando o que ocasionou o acidente.

Na noite da última terça-feira (26), o Coronel Chaves participou de uma reunião na loja Maçônica da cidade de Sousa. Ele seguia, depois, até a cidade de Patos, onde participaria de uma solenidade militar do Comando de Policiamento Regional, prevista para a manhã desta quarta na Câmara Municipal de Patos.

As primeiras informações dão conta que o acidente aconteceu por volta das 2h na BR-230 próximo ao Motel Dallas, na cidade de Patos, quando o veículo colidiu com outro veículo provocando a morte do militar e de um jovem ainda não identificado que viajava no outro carro. Agentes da Polícia Rodoviária Federal estiveram no local quando identificaram o coronel Chaves como uma das vítimas. Fernando Antônio Soares Chaves ingressou na Polícia Militar como aspirante em 1985. Antes de assumir a Casa Militar exerceu as funções de Chefe da Assessoria Militar da Presidência da Assembleia Legislativa da Paraíba e da Assessoria Militar da Procuradoria de Justiça Ministério Público da Paraíba.

Fonte: PBagora