VEJA AS NOVIDADES

10 de setembro de 2014

Taxista denuncia farra de alvarás e falta de fiscalização em Itabaiana-PB.

O taxista Diemerson Pessoa da Paixão solicitou o apoio do Sindicato que representa a categoria, no sentido de encontrar uma solução para os inúmeros problemas que vêm inviabilizando o exercício das atividades pelos profissionais do volante na cidade de Itabaiana, que vão desde a falta de abrigos, sinalização das praças, padronização na identificação dos veículos e sobretudo, fiscalização do transporte clandestino de passageiros.

Segundo ele, a desorganização é geral e foi agravada pela concessão indiscriminada de alvarás de funcionamento, que já atinge o número de 509, em sua maioria obtidos por pessoas estranhas à profissão de taxista, que buscam apenas o benefício da isenção na compra do automóvel 0 Km. “Estamos passando por sérias dificuldades e se tivesse outra oportunidade de trabalho, já teria desistido dessa”, desabafou Diemerson.

Denúncias graves

O presidente do Sindicato dos Taxistas da Paraíba, Adauto Braz, considerou as denúncias da maior gravidade e garantiu que nos próximos dias, a diretoria da entidade verificará junto à prefeitura municipal, como se deu a concessão desses alvarás, bem como cobrará a fiscalização devida, sem descartar a possibilidade de recorrer ao representante do Ministério Público local para disciplinar o serviço em Itabaiana.

“Recentemente fizemos reuniões nesse sentido nos municípios de Cabedelo e Conde, buscando mais rigor na liberação de concessões, bem como a não renovação daquelas de pessoas que não utilizam o veículo para o fim a que se destina, de transporte de passageiros, além de maior fiscalização e combate à exploração do serviço por táxis de outros municípios”, concluiu Adauto.

Fonte: PB em Destaque