VEJA AS NOVIDADES

5 de outubro de 2014

Aécio Neves vota em Belo Horizonte ao lado da esposa e aliados.

O candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves, votou às 10h21 em Belo Horizonte. Ele chegou à seção eleitoral acompanhado do candidato ao Senado, Antonio Anastasia, e da esposa, Letícia Weber.  Antes de ir para a cabine de votação, fez fotos com eleitores e cumprimentou mesários.

Aécio levou cerca de um minuto para votar. Depois posou para fotos, ao lado da esposa, e fez o tradicional gesto de "v" de vitória.
Ele já havia acompanhado Anastasia e o candidato do PSDB ao governo de Minas, Pimenta da Veiga, em suas seções de votação.

Houve aglomeração de jornalistas e eleitores em torno de Aécio durante a passagem dele pela seção eleitoral. O candidato vota no bairro de Lourdes, em um colégio na região central de Belo Horizonte, o mesmo em que Dilma Rousseff estudou quando era mais jovem.

O candidato falou com a imprensa em um hotel logo depois de votar. Ele foi questionado se pediria apoio de Marina Silva (PSB) em um eventual segundo turno e disse que, por respeito à candidata, não vai falar sobre o tema antes da apuração. "Eu tenho enorme respeito pela candidata. Falar em segundo turno antes da apuração não seria um gesto respeitoso."

O candidato também foi questionado sobre a possibilidade de não ir para o segundo turno. Depois da morte de Eduardo Campos, Aécio chegou a aparecer nas pesquisas em terceiro lugar com a entrada de Marina Silva na disputa à presidência.  O tucano falou que nunca perdeu a confiança.

“Eu nunca perdi a confiança na nossa possibilidade de chegar no segundo turno. Não chegamos ainda. Então temos que aguardar com muita humildade. E registro isso de forma muito enfática, o que nós temos são pesquisas, são sinalizações. Mas o que vale é o que vai ser apurado a partir das cinco da tarde”, afirmou.

Aécio vai passar o dia em Belo Horizonte, onde vai acompanhar a apuração dos votos.

Nas duas últimas pesquisas do Ibope (*) e Datafolha (**), divulgadas neste sábado (4), ele aparece em empate técnico com a candidata Marina Silva (PSB) no segundo lugar na disputa. A presidente Dilma Rousseff (PT) aparece na primeira posição.

(*) O Ibope ouviu 3.010 eleitores entre os dias 2 e 4 de outubro. A pesquisa, encomendada pela TV Globo e pelo jornal "O Estado de S.Paulo", está registrada no TSE sob o número 01021/2014. O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de dois pontos para mais ou para menos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%.

(**) O Datafolha ouviu 18.116 eleitores nos dias 3 e 4 de outubro. A pesquisa, encomendada pela TV Globo e pelo jornal "Folha de S.Paulo", está registrada no TSE sob o número 01037/2014. O nível de confiança é de 95%. Isso significa que, se forem realizados 100 levantamentos, em 95 deles os resultados estariam dentro da margem de erro de dois pontos prevista.

Fonte: Globo.com