VEJA AS NOVIDADES

30 de outubro de 2014

Multas de trânsito sobem até 900% a partir do dia 1º e endurecem penas para infratores.

Começam a valer no próximo dia 1º de novembro as mudanças nos valores cobrados em multas de trânsito no Brasil, que devem subir até 900%. A lei aprovada em 12 de maio deste ano pelo governo federal altera 11 artigos do Código de Trânsito Brasileiro e endurece as penas para condutores infratores.

De acordo com o Departamento Nacional de Trânsito, em caso de ultrapassagem em local proibido, a multa salta de R$ 191,54 para R$ 957,70, um aumento de R$ 400%.
Para quem ultrapassar pelo acostamento, a multa sai de R$ 127,69 para R$ 957,70, uma alta de 650%; quem forçar ultrapassagem perigosa, em vez de pagar os atuais R$ 191,54, a partir de 1º de novembro tem que pagar R$ 1.915,40, o maior aumento entre as alterações, que foi de 900%; já o condutor que disputar corrida ou ‘racha’ deixa de pagar os atuais R$ 574,62 para pagar R$ 1.915,40.

Quanto às prisões, a nova lei prevê pena de seis meses a três anos para quem participar de racha; de três a seis anos para quem o provocar lesão corporal em corrida; de cinco a dez anos para quem causar a morte de alguém por um racha e de dois a quatro anos de para quem causar acidente por estar bêbado ou sob efeito de drogas.

O motorista George Emanuel Tavares, de 53 anos, concorda com as novas medidas e acredita que os crimes de trânsito deverão diminuir. A professora Fátima Santos também é otimista quanto à redução de acidentes e problemas de trânsito, afirmando que a alteração na lei vai inibir condutores que insistem com as infrações.


Fonte: Portal Correio