VEJA AS NOVIDADES

5 de maio de 2015

Colunista diz que deputado da PB pagou almoço de R$ 1,5 mil com verba pública.

O deputado federal Benjamin Maranhão (SD) teve que devolver cerca de R$ 1,5 mil a Câmara dos Deputados após denúncia de um colunista do Congresso em Foco. 

Ao consultar o Portal de Transparência da Câmara, Lúcio Big percebeu que o deputado paraibano usou verba pública para pagar um almoço em um dos restaurantes mais sofisticados de Brasília.

O dinheiro seria oriundo da Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar (Ceap). O benefício até permite gastos com alimentação, mas desde que ela seja apenas para o parlamentar, o que, segundo levantamento do colunista, não deve ter ocorrido.

“No cardápio do pomposo restaurante, o prato mais caro é Bacalhau na Brasa e ele não sai por menos de R$ 199,80. Mas, ainda sim, como o nobre parlamentar conseguiu chegar ao valor de quase R$ 1.500,00? Não é preciso dizer que é humanamente impossível neste caso, que uma única pessoa consiga consumir quase dois salários mínimos num único almoço”, ironizou.

Lúcio Big questionou a Câmara dos Deputados a respeito dos gastos e foi informado, por e-mail, de que realmente houve um equívoco na liberação do dinheiro para tal finalidade. Segundo nota enviada ao colunista, a Câmara pediu para que Benjamin Maranhão devolvesse o dinheiro, pedido que foi atendido pelo deputado federal. Veja cópia da nota fiscal do restaurante e da mensagem enviada pela Câmara.

Ainda segundo Lúcio Big, a assessoria de Benjamin Maranhão foi procurada pela coluna, mas não quis comentar o caso. 

Fonte: Portal Correio