VEJA AS NOVIDADES

15 de setembro de 2015

Guia da Champions: Real, Bayern & companhia iniciam caça ao Barcelona.



A 60ª edição da Liga dos Campeões terá pontapé inicial nesta terça-feira. Oito jogos de quatro grupos abrem o mais badalado torneio de clubes do planeta. Na quarta, mais 16 equipes em ação, com cobertura especial do GloboEspote.com. O site transmitirá 25 jogos em toda a competição, incluindo a final do dia 28 de maio de 2016, no San Siro, em Milão. Os trabalhos começam com Roma x Barcelona, quarta-feira, exibido ao vivo a partir das 15h (de Brasília) - todas as outras partidas da rodada terão acompanhamento em Tempo Real. Os catalães são, naturalmente, o centro das atenções, pois defendem o título conquistado sobre o Juventus, junho passado, em Berlim.

A tarefa de Messi, Suárez e Neymar tende a ser mais complicada, já que desde 1989/90, com o Milan, ninguém consegue o feito de erguer o caneco de forma consecutiva. Além disso, outros gigantes como Bayern, Real Madrid, Paris Saint-Germain e Chelsea se reforçaram, aproveitando que o Barça só poderá inscrever novos atletas em janeiro devido à punição imposta pela Fifa.
Mais informações você confere no Guia da Liga dos Campeões abaixo:
GRUPO A
Header Guia Liga Campeões A (Foto: GloboEsporte.com)


ANÁLISE DO GRUPO
Real e PSG medem forças de olho no mata-mata
O peso e a história estão do lado do Real Madrid, maior vencedor da Champions. O gigante espanhol quer conquistar a undécima e, de quebra, evitar que o arquirrival Barcelona estabeleça um monopólio diante do que Messi, Neymar e Suárez ainda prometem juntos. Para isso, demitiu o italiano Carlo Ancelotti e apostou em Rafa Benítez, de trabalhos recentes contestáveis. A base é a mesma, com a adição de bons jogadores como Danilo, Casemiro e Kovacic.

O Paris Saint-Germain busca o mesmo patamar. Tem um time titular mais forte com Di María e Kurzawa e torcerá pela saúde estável de Ibrahimovic para tentar alçar os voos que ainda deve – vide as últimas três eliminações nas quartas. O Shakhtar ligou o alerta depois de perder o primeiro título na Ucrânia desde 2008/09 e ver brasileiros importantes como Douglas Costa, Luiz Adriano e Fernando saírem. Para o Malmö, bicampeão sueco, o que vier é lucro.
Cristiano Ronaldo celebra gol do Real sobre o Espanyol (Foto: Reuters)Cristiano Ronaldo começou a temporada "devagar" - até fazer cinco gols no Espanyol no último sábado... (Foto: Reuters)

APOSTA GLOBOESPORTE.COM
Real Madrid e PSG vão para as oitavas

Há dois claros favoritos. Empurrados por seus elencos estelares, Real Madrid e Paris Saint-Germain terão de definir um precioso primeiro lugar, aliviando - em tese, é bom dizer - o sorteio das oitavas de final. O Shakhtar, presente em dois dos últimos três mata-matas, depende do rendimento de sua legião de brasileiros para garantir a vaga na Liga Europa, pois o Malmö, zebra declarada, tem potencial para complicar os ucranianos.
Ibrahimovic Malmö (Foto: Reprodução / Twitter)
Zlatan Ibrahimovic começou sua carreira Malmö
(Foto: Reprodução / Twitter)
O CONFRONTO
Malmö x Paris Saint-Germain
Seria muito óbvio listar os dois confrontos entre Real Madrid e Paris Saint-Germain, na terceira e quarta rodadas. Na quinta, os franceses visitarão os suecos na terra onde Zlatan Ibrahimovic nasceu e foi criado. Será um dia para reviver muitas memórias, algo que o centroavante do PSG já vem fazendo desde o sorteio.
FIQUE DE OLHO
Di María

O PSG tem algo a provar nesta Liga dos Campeões – chegou a quebrar a barreira das quartas de final? A resposta passa também pelos pés de Ángel di María, contratação de peso dos franceses para a temporada. O meia argentino vem de um ano muito abaixo da média no Manchester United e saiu sem deixar saudades. Em Paris, tentará reencontrar o futebol perdido no Real Madrid, curiosamente seu futuro adversário. 
Di Maria ganha a 11 no PSG Torre Eiffel (Foto: Divulgação / PSG)Di María posa em sua apresentação em frente à Torre Eiffel: argentino quer recuperar o glamour (Foto: Divulgação / PSG)

Tabela jogos Grupo A Liga dos Campeões (Foto: Reprodução / GloboEsporte.com)*Horário de Brasília (Foto: Reprodução / GloboEsporte.com)

GRUPO B
Header Guia Liga Campeões B (Foto: GloboEsporte.com)



ANÁLISE DO GRUPO
Hora de matar as saudades
Ficar um ano fora do torneio mais badalado do mundo pode ter feito bem ao Manchester United. A exigência para frequentar o topo, como nos tempos de Alex Ferguson, fez o clube gastar alto no mercado. Louis van Gaal agora não poderá reclamar da falta de peças, principalmente no meio-campo, povoado com Schweinsteiger e Schneiderlin. Na frente, Depay e Martial chegaram para dar alternativas de jogo a Rooney. A cobrança será alta em cima do técnico holandês, criticado pela dificuldade de dar uma cara ao time.

O Wolfsburg surge como segunda força. É um clube já estabelecido na Alemanha (foi vice-campeão da Bundesliga e venceu o Bayern na Supercopa) graças ao dinheiro de uma montadora de carros e com potencial de crescimento. Três brasileiros formam a proteção defensiva (Naldo, Dante e Luiz Gustavo), enquanto cabia ao belga Kevin de Bruyne organizar o ataque – a função agora é de Julian Draxler, reforço imediato após a venda do meia ao Manchester City.
Naldo ergue taça Supercopa da Alemanha Wolfsburg (Foto: REUTERS/Fabian Bimmer)Naldo ergue a Supercopa da Alemanha: Wolfsburg já provou que pode vencer os grandes... (Foto: REUTERS)


Os Lobos podem uivar alto, mais do que o esperado para CSKA e PSV. Os russos, vice para o Zenit, contam com o retorno do marfinense Doumbia, essencial na fase preliminar diante do Sporting, e na continuidade do técnico Leonid Slutsky, que dividirá nos próximos meses o cargo com a seleção russa. Os holandeses, ironicamente cabeças de chave, voltam à fase de grupos sem Depay e Wijnaldum, estrelas na campanha vencedora da Eredivisie.
Depay Manchester United (Foto: Getty Images)
Memphis Depay enfrentará o ex-clube PSV logo
de cara na fase de grupos (Foto: Getty Images)
APOSTA GLOBOESPORTE.COM
Manchester United e Wolfsburg vão para as oitavas

Não seria uma zebra o Manchester United sofrer nesta etapa, mas a qualidade do elenco sugere a classificação em primeiro. O Wolfsburg não tem a mesma tradição, mas possui um time organizado. A tendência é que os dois avancem e deixem a briga pela Liga Europa entre CSKA e PSV, mais próximos de nível técnico.
O CONFRONTO
PSV x Manchester United

A primeira rodada já traz o reencontro entre Memphis Depay e PSV. O atacante foi contratado na última janela pelo Manchester United depois de brilhar intensamente pelo time holandês, onde foi campeão com folga na última temporada e artilheiro com 22 gols. Não há ninguém em Eindhoven que não sinta saudades de uma das revelações da Copa do Mundo no Brasil...

FIQUE DE OLHO
Anthony Martial

Mas quem é esse atacante de 19 anos que custou € 50 milhões, assumiu a camisa 9 e marcou um belo gol logo em sua estreia num clássico contra o Liverpool? O francês Anthony Martial já gerou expectativas elevadas no torcedor dos Diabos Vermelhos. Com a lesão de Rooney, poderá receber nova chance logo na estreia diante do PSV. Mesmo que não repita os passos de Thierry Henry na Inglaterra (as comparações já existem...), pode ajudar bastante o Manchester United.
Martial gol Manchester United x Liverpool (Foto: Reuters)Martial "chegou chegando" ao Manchester United com gol importante no clássico diante do Liverpool (Foto: Reuters)
Tabela jogos Grupo B Liga dos Campeões (Foto: Reprodução / GloboEsporte.com)*Horário de Brasília (Foto: Reprodução / GloboEsporte.com)

GRUPO C
Header Guia Liga Campeões C (Foto: GloboEsporte.com)

ANÁLISE DO GRUPO
Uma chave com cara de Liga Europa
Jackson Martínez comemora gol Atlético de Madrid (Foto: REUTERS/Marcelo del Pozo)Jackson Martínez é o grande nome do Atlético nesta temporada (Foto: Marcelo del Pozo / Reuters)
Em um grupo com jeito de Liga Europa, o Benfica é o time com maior tradição em Champions. Classificado como cabeça de chave pelo título português, o time dos brasileiros Julio César, Luisão, Talisca e Jonas (entre outros) já conquistou o título duas vezes (1960/61 e 1961/62), mas fez papelão na temporada passada: foi eliminado na primeira fase, sem conseguir vaga sequer na Liga Europa (competição na qual foi para a decisão em 2013 e 2014 - perdendo ambas).
Campeão espanhol e finalista da Champions na temporada retrasada, o Atlético de Madrid gastou € 134 milhões (cerca de R$ 570 milhões) em nomes como Jackson Martínez, Carrasco, Vietto e Filipe Luis, superando Real e Barça em investimentos, para voltar a estar entre os protagonistas. Na edição passada, os espanhóis caíram nas quartas de final, diante do rival de Madri.
Bicampeão da Liga Europa (2009/10 e 2011/12), o time de Diego Simeone terá ainda a concorrência de outro clube que já conquistou o segundo título mais importante do continente, em 1999/00: o Galatasaray. Com a chegada de Podolski para fazer parceria com Sneijder, o atual campeão turco busca superar a campanha do ano passado, quando terminou a primeira fase com a pior campanha em um grupo com Arsenal, Borussia e Anderlecht. Já o Astana, do Cazaquistão, disputa a fase de grupos pela primeira vez.
Sneijder e Podolski, Supercopa da Turquia (Foto: Reprodução / Instagram)Galatasaray aposta na parceria entre Sneijder e Podolski para avançar de fase (Foto: Reprodução / Instagram)
APOSTA GLOBOESPORTE.COM 
Atlético de Madrid e Benfica vão para as oitavas
Temos aqui três times na briga por duas vagas, uma vez que o Astana está na competição a passeio. Entre os concorrentes, o Atlético de Madrid larga na frente e é o favorito para ter a melhor campanha do grupo, mesmo com as saídas de gente como Miranda e Arda Turan (o time de Simeone, em contrapartida, investiu bem). Sobram Benfica e Galatasaray. Como os turcos ainda não se encontraram nesta temporada, é possível dizer que os portugueses - que ainda tentam se acertar após a saída de Jorge Jesus para o Sporting - contam com um leve favoritismo nessa briga.
Jonas comemora gol Benfica (Foto: REUTERS/Hugo Correia)Jonas é a aposta do Benfica para levar os portugueses às oitavas de final (Foto: REUTERS/Hugo Correia)

O CONFRONTO 
Benfica x Galatasaray
Liga Europa ou mata-mata da Champions, eis a questão? Com a briga pela segunda vaga, muito provavelmente, concentrada entre turcos e portugueses, o confronto direto promete decidir o futuro de ambos na competição. Bons resultados contra o Atlético de Madrid também são aconselháveis, enquanto tropeços contra o Astana não serão tolerados. Vale observar ainda o reencontro de Oblak, Guilherme Siqueira e Tiago com o ex-clube Benfica, agora com a camisa Atlético.
FIQUE DE OLHO 
Astana: o novato asiático
Podolski - Borat (Foto: Reprodução/Twitter)Podolski postou cartaz do filme "Borat" para brincar com jogo no Cazaquistão (Reprodução/Twitter)
O convite aqui não é necessariamente para assistir a um futebol de alto nível, mas para acompanhar a inédita participação de um time do Cazaquistão na fase de grupos da Liga dos Campeões (o que rendeu até a uma brincadeira de Podolski nas redes sociais). E o Astana terá que fazer um esforço dobrado para encarar Benfica, Galatasaray e Atlético de Madrid na competição. O responsável por eliminar o Apoel nos playoffs fica localizado no lado asiático dessa ex-república soviética dividida entre dois continentes e fará uma viagem recorde na competição, ao percorrer 6.154 quilômetros para enfrentar o Benfica em Lisboa. 
O Cazaquistão vira assim o 32º país a ter uma equipe na fase de grupos da competição desde que foi rebatizada como Liga dos Campeões em 1992, e nem mesmo lá o Astana representa uma grande força. O clube criado no fim da década passada só ganhou destaque no país por conta da injeção de dinheiro público disponibilizado pelo Fundo de Riqueza Soberana "Samruk Kazyna” (dono de gigantes estatais no país), o que valeu o título nacional em 2014 e o papel de importante máquina política do governo local. 
Mapa Lisboa Benfica Astana (Foto: Reprodução / Google Maps)Astana fará a maior viagem da história da Champions para enfrentar o Benfica - e vice-versa (Reprodução / Google Maps)


Tabela Grupo C Champions (Foto: Globoesporte.com)*Horário de Brasília (Foto: Globoesporte.com)

GRUPO D
Header Guia Liga Campeões D (Foto: GloboEsporte.com)


ANÁLISE DO GRUPO
O Grupo da Morte da Champions
O sorteio conseguiu juntar times de Alemanha, Itália, Inglaterra e Espanha em uma só chave. OJuventus tem, ao menos na teoria, todas as credenciais para largar como favorito. Afinal, venceu as quatro últimas edições do Campeonato Italiano e, até poucos meses atrás, disputava a final da Liga dos Campeões (porém perdeu a chance de levar o seu terceiro título europeu ao ser derrotado pelo Barça). Mas na prática não é bem assim. Massimiliano Allegri precisa reconstruir a equipe após as saídas de Tevez, Pirlo e Vidal e, mesmo com a chegada de nomes como Mandzukic, Dybala, Hernanes, Khedira (esse último sequer estreou), entre outros, anda mal das pernas na temporada - são duas derrotas e um empate em três jogos no Campeonato Italiano.
Hernanes camisa Juventus (Foto: Reprodução Instagram)Hernanes é uma das caras novas na remontada Velha Senhora (Foto: Reprodução Instagram)

Enquanto a Velha Senhora vem tropeçando na Velha Bota, o Manchester City segue o caminho oposto na Inglaterra. Lidera a Premier League com 100% de aproveitamento e está com o elenco reforçado com as chegadas milionárias de Otamendi, Sterling e De Bruyne. Com apenas um título da Copa da Uefa (atual Liga Europa) na conta, em 1969/70, o time inglês tenta pela primeira vez em sua história passar das oitavas de final da Champions (ainda assim, o feito foi alcançado apenas nas duas últimas edições da competição).
Fernando Llorente Sevilla (Foto: Marcelo del Pozo / Reuters)Llorente é a aposta no Sevilla (Foto: Reuters)
Sevilla é a terceira força do grupo, mas tem todas as condições de surpreender os favoritos. Como cartão de visitas, pode dizer que conquistou quatro títulos da Liga Europa ao longo dos últimos dez anos, o que o levou ao posto de maior vencedor da competição. Além disso, tirou Llorente da Velha Senhora para se tornar a grande referência da equipe (que ainda não engrenou na temporada: são dois empates e uma derrota no Espanhol). Já o Borussia Mönchengladbach disputará a Champions pela primeira vez desde que mudou de nome, mas já disputou a final da competição quando essa ainda se chamava Copa dos Campeões da Uefa:  em 1976/77, ocasião em que perdeu a decisão para o Liverpool. 
Manchester City e Juventus vão para as oitavas
O Juventus volta a ser cabeça da chave da Liga dos Campeões graças ao título italiano conquistado na temporada passada, mas nem por isso terá vida fácil. A Velha Senhora terá como rivais o líder do Campeonato Inglês, o atual campeão da Liga Europa e o terceiro colocado na última edição da disputada Bundesliga. Como apenas duas equipes vão às oitavas, o palpite é o seguinte: City e Juve avançam, mas o Sevilla venderá caro a vaga. Até mesmo o Mönchengladbach promete fazer jogo duro com os gigantes, sobretudo quando jogar na Alemanha.
Sterling Manchester City (Foto: Getty Images)Sterling é um dos reforços milionários que colocam o Manchester City como favorito no grupo (Foto: Getty Images)
 O CONFRONTO 
Juventus x Manchester City
Pelo andar da carruagem, a Velha Senhora está mais para brigar com o Sevilla pela classificação às oitavas de final do que com o Manchester City pela liderança do grupo. Ainda assim, o duelo do atual tetracampeão italiano e vice europeu contra o líder invicto da Premier League promete ser um dos três mais atrativos da primeira fase, assim como Real Madrid x PSG e Bayern de Munique x Arsenal. Vale acompanhar ainda dois reencontros: de Jesús Navas com o Sevilla e Llorente com o Juventus.
Wakaso Mubarak do Espanyol e Jesús Navas do Sevilla (Foto: EFE)Além do jogão com o Juve, Navas terá encontro especial com o Sevilla: ele trocou o ex-time pelo City em 2013 (Foto: EFE)
FIQUE DE OLHO 
A volta do Mönchengladbach 
Mönchengladbach Raffael Favre (Foto: Divulgação)Gladbach de Raffael e Lucien Favre vai mal na Bundesliga, mas espera surpreender na Champions (Foto: Divulgação)
Terceiro colocado no último Campeonato Alemão, o Borussia Mönchengladbach, rival do Bayern de Munique na década de 70, disputará pela primeira vez a Liga dos Campeões no atual formato. Mas tem história no torneio antecessor, ainda chamado de Copa dos Campeões da Europa. 
Potência germânica nos anos 1970, o Borussia chegou à final da Copa dos Campeões em 1977, quando foi derrotado pelo Liverpool por 3 a 1. Naquela década, conquistou cinco vezes o Campeonato Alemão e duas vezes a Copa da Uefa, atual Liga Europa. Pouco tempo depois, porém, venderia seus destaques e não conseguiria se manter entre os melhores times da Alemanha. 
Recentemente, sob a batuta do técnico Lucien Favre, o clube se reergueu e voltou a frequentar a parte de cima da tabela. A vaga na Champions, porém, teve um efeito colateral: na atual temporada, a equipe (que tem o brasileiro Raffael como um de seus destaques) está na lanterna da Bundesliga, com quatro derrotas em quatro jogos. Será que está guardando as boas exibições para a Europa?
Tabela Grupo D Liga dos Campeões (Foto: GloboEsporte.com)*Horário de Brasília (Foto: GloboEsporte.com)

GRUPO E
Header Guia Liga Campeões E (Foto: GloboEsporte.com)



ANÁLISE DO GRUPO
Barça inicia defesa do título e busca pelo hexa

Atual campeão, o Barcelona inicia no Grupo E a defesa do título e a busca pelo hexacampeonato. Maior artilheiro da competição ao lado de Cristiano Ronaldo (ambos com 77 gols), Messi chegará a 100 jogos na Liga dos Campeões na primeira rodada da fase de grupos e, ao lado de Neymar e Suárez, tentará levar o time a mais um título. 
Neymar champions Barcelona  x Juventus  (Foto: AP)Barcelona tenta repetir a cena da temporada passada, quando conquistou a Liga dos Campeões (Foto: AP)
O Roma entra na Liga dos Campeões com o ataque reforçado por Mohamed Salah e Edin Dzeko e embalado por um bom começo de Campeonato Italiano, incluindo uma vitória no clássico com o Juventus. Mas é bom abrir o olho com o Bayer Leverkusen, que já aprontou contra um clube  romano nesta temporada. O novo time de Chicharito Hernández entrou na fase de grupos ao eliminar o Lazio nos playoffs e tenta repetir o ano passado e avançar para as oitavas.
APOSTA GLOBOESPORTE.COM
Barcelona e Roma avançam às oitavas 

A expectativa é que o Barcelona, um dos favoritos ao título, fique com o primeiro lugar do Grupo E. A briga ficaria entre Roma e Bayer Leverkusen pela segunda vaga, com os italianos levando vantagem pelas boas contratações desta temporada.
O CONFRONTO
Barcelona x Bayer Leverkusen

O torcedor do Bayer Leverkusen não tem boas lembranças do Barcelona. Os times se enfrentaram seis vezes na Liga dos Campeões, com cinco vitórias espanholas e uma alemã. Nas oitavas de final de 2011/12, teve passeio e show de Messi: 7 a 1 no Camp Nou, com cinco gols do argentino.
Messi, Barcelona x Bayer Leverkusen 2012 (Foto: Getty Images)Em 2012, Messi deu show contra o Bayer Leverkusen e marcou cinco gols (Foto: Getty Images)

FIQUE DE OLHO
BATE Borisov

O BATE Borisov é dono de algumas marcas na Liga dos Campeões, mas nada para se orgulhar. O time de Belarus sofreu 24 gols na última temporada e terminou com saldo de -22, recordes negativos na competição. Em 2011, o time enfrentou o Barcelona duas vezes, levou nove gols e não marcou nenhum. 
shakhtar donetsk x borisov - luiz adriano (Foto: Reprodução)BATE Borisov sofreu com Luiz Adriano na temporada passada (Foto: Reprodução)

Tabela Grupo E Liga dos Campeões (Foto: GloboEsporte.com)*Horário de Brasília (Foto: GloboEsporte.com)

GRUPO F
Header Guia Liga Campeões F (Foto: GloboEsporte.com)

ANÁLISE DO GRUPO
Favorito do grupo, Bayern inicia Champions pressionado

Semifinalista nas quatro últimas temporadas, o Bayern de Munique começou a temporada com o técnico Pep Guardiola encarando mais cobranças. O time bávaro é o grande destaque do grupo, mas, mesmo com o bom início de Campeonato Alemão, um bom desempenho na Liga dos Campeões parece ser decisivo para o futuro do espanhol no comando do time bávaro.
Guardiola Bayern x Leverkusen (Foto: Reuters)Mesmo indo às semis nos últimos anos, Pep Guardiola começa a Liga dos Campeões pressionado (Foto: Reuters)


Mesmo sem um grande investimento na janela de transferências (Petr Cech foi a principal contratação), o Arsenal é a segunda força do grupo. Eliminado pelo Monaco nas oitavas de final do ano passado, o time de Arsène Wenger tem tudo para novamente avançar para a próxima fase. O atual pentacampeão grego Olympiacos e o atual decacampeão croata tentam surpreender na chave.
APOSTA GLOBOESPORTE.COM
Bayern de Munique e Arsenal vão para as oitavas

Se nenhuma surpresa acontecer, Bayern de Munique e Arsenal devem confirmar o favoritismo sem grandes problemas. A última vez que os ingleses não passaram da primeira fase de grupos foi em 1999/2000, e os alemães se classificaram desde 2008/2009.

O CONFRONTO
Bayern de Munique x Arsenal

Na temporada 2012/2013, o Bayern de Munique eliminou o Arsenal nas oitavas de final da Liga dos Campeões. Um ano depois, novo confronto entre as duas equipes e nova vitória alemã. Desta vez, o duelo não tem o mesmo peso, mas será finalmente a chance dos ingleses levarem a melhor?
Arsenal x Bayern de Munique 2013 (Foto: Getty Images)O Arsenal não vem tendo muito sucesso quando enfrenta o Bayern de Munique  (Foto: Getty Images)
FIQUE DE OLHO
A torcida do Dinamo Zagreb

O Dinamo Zagreb e sua torcida não vivem grande fase. Nos últimos anos, o estádio Maksimir vem sofrendo com públicos baixíssimos. Reflexo do relacionamento ruim dos torcedores com o presidente Zdravko Mamic, que foi preso neste ano, mas já está solto. O preço dos ingressos para os jogos da Liga dos Campeões, considerados altos, não devem ajudar em nada a situação do clube croata nesse sentido.
dinamo zagreb (Foto: Getty Images)Ainda não se sabe como vai ser o comportamento da torcida do Dinamo Zagreb na Champions (Foto: Getty Images)

Tabela Grupo F Liga dos Campeões (Foto: GloboEsporte.com)*Horário de Brasília (Foto: GloboEsporte.com)
GRUPO G
Header Guia Liga dos Campeoes grupo G (Foto: Editoria de Arte)

ANÁLISE DO GRUPO
Chelsea sobra, os outros correm atrás

Com um favorito absoluto, o grupo G conta com uma zebra e uma disputa que promete ser acirrada pela segunda colocação. Campeão em 2012, o Chelsea entra na Champions para apagar a decepção pela eliminação ainda nas oitavas de final na temporada passada, diante do PSG, e aposta na manutenção do elenco vencedor da última Premier League, reforçado por Falcao Garcia, para passar sem sustos ao mata-mata. Na outra extremidade da chave está o Maccabi Tel Aviv, atual campeão israelense, que superou três fases dos playoffs para ficar entre os 32 melhores da Europa após 11 anos. Neste caminho, eliminou o Hibernians, de Malta, os tchecos do Viktoria Plzen e o Basel, da Suiça.
Casillas Porto Vitória de Guimarães (Foto: Reuters)Soa até estranho: depois de três títulos com o Real Madrid, Iker Casillas defenderá o Porto na Champions (Foto: Reuters)


Já Dínamo de Kiev e Porto entram na competição praticamente como forças equivalentes. Únicos do grupo que não foram campeões nacionais na última temporada, os portugueses contam com a tradição de quem venceu a competição duas vezes, mas estão enfraquecidos após perderem peças importantes como os laterais brasileiros Danilo e Alex Sandro, e o atacante Jackson Martinez. Por outro lado, o elenco de Julen Lopetegui conta com toda experiência de Iker Casillas. Os ucranianos, por sua vez, chegam com a moral de quem acabou com a hegemonia do Shakhtar Donetsk no país ao vencer a liga e a copa. O elenco conta com apenas dois brasileiros, os pouco conhecidos Danilo Silva e Júnior Moraes. Na melhor campanha, o clube chegou às semifinais em 77, 87 e 99.
APOSTA GLOBOESPORTE.COM
Chelsea e Porto avançam às oitavas 

A expectativa geral é de que o Chelsea se classifique em primeiro sem problemas. Além de ter o melhor elenco e um treinador obcecado pela Champions League, os Blues caíram em um grupo com rivais bem menos qualificados. Dínamo de Kiev e Porto devem brigar pela segunda vaga, mas a tradição e a experiência de Iker Casillas podem fazer a balança pender para o lado português, com os ucranianos ficando com a vaga na Liga Europa. Quanto ao Maccabi Tel Aviv, qualquer resultado além da quarta colocação será comemorado por um clube que passou por três playoffs até a fase de grupos. Vale lembrar, porém, a zebra Apoel Nicosia, do Chipre, que seguiu o mesmo caminho até as quartas, em 2012, em grupo que também tinha o Porto.
José Mourinho Chelsea (Foto: Getty Images)José Mourinho voltará ao estádio do Dragão e reencontrará o Porto no comando do Chelsea (Foto: Getty Images)
O CONFRONTO
Chelsea x Porto

Por mais que os duelos entre Dínamo e Porto sejam determinantes para definir o provável segundo colocado no grupo, é inevitável que o personagem José Mourinho determine os momentos imperdíveis desta primeira fase. Ainda mais quando o português terá a oportunidade de voltar ao lugar que o projetou para o mundo. Campeão da Champions pelo Porto em 2004, o Special One retornará ao estádio do Dragão no dia 29 de setembro e receberá os compatriotas no Stamford Bridge em 9 de dezembro, na última rodada.
FIQUE DE OLHO
Eden Hazard

Apontado como um dos jovens mais promissores de sua geração, Eden Hazard terá uma nova oportunidade de provar que está, sim, no escalão que vem logo abaixo de Lionel Messi e Cristiano Ronaldo no futebol mundial. Campeão da Liga Europa e da Premier League, sendo eleito o melhor jogador, o belga tem a missão de levar os Blues ao bicampeonato. Apesar de contar com nomes como Willian, Oscar e, agora, Falcao Garcia, Hazard é o coração do time de José Mourinho.
Hazard Willian título Chelsea (Foto: Getty Images)Hazard comemora com Willian gol pelo Chelsea: belga foi o craque da Premier League (Foto: Getty Images)



grupo G Champions League (Foto: GloboEsporte.com )* Horário de Brasília (Foto: GloboEsporte.com )



GRUPO H
Header Guia Liga Campeões H (Foto: GloboEsporte.com)

ANÁLISE DO GRUPO
"Patinhos feios" buscam espaço entre gigantes
Negredo comemora gol após falha de Fabinho Monaco x Valencia (Foto: Valerio Pennicino/Getty Images)Negredo comemora gol que colocou o Valencia na Champions (Foto: Valerio Pennicino/Getty Images)
O Grupo H é o "patinho feio" desta edição da Champions League. Com o Zenit como cabeça de chave, Valencia, Lyon e Gent surgem como surpresas, sem serem favoritos nem mesmo em suas ligas nacionais, e é difícil imaginar que um dos dois classificados vá além das oitavas de final. O time de Hulk aparece com destaque em sua quinta edição consecutiva da competição, mas o terceiro lugar no início do campeonato local mostra que os russos perderam força. Em 2014 e 2015, a equipe caiu no primeiro mata-mata.   
Vice-campeão em 2000 e 2001, o Valencia volta a disputar a Liga dos Campeões depois de duas temporadas com cara de que brigará mais com o Zenit pela liderança do que sofrerá para bater o Lyon pelo segundo lugar. Por mais que tenha perdido Otamendi para o Manchester City, a equipe manteve a base que fez uma boa liga espanhola, comprou o tunisiano Abdennour para substituir o argentino na defesa e apostou no volante brasileiro Danilo - além de comprar em definitivo os atacantes Negredo e Rodrigo.   
Lyon e Gent entram na disputa como franco atiradores. Os franceses, que já teriam dificuldades para superar Zenit e Valencia, perderam Fekir, artilheiro deste início de temporada com quatro gols, que lesionou o joelho em amistoso pela França. Recém-contratados, Beauvue, Valbuena e o brasileiro Rafael vão ter que suar para levarem o ex-clube de Juninho às oitavas de final. Por fim, os belgas do Gent debutam na competição e dificilmente conseguirão até mesmo a vaga na Liga Europa.
APOSTA GLOBOESPORTE.COM
Zenit e Valencia  avançam sem sustos
Zenit e Valencia começam a disputa com amplo favoritismo. Conduzido por Hulk, os russos levam vantagem pela experiência na competição e a força em casa. São cinco edições da Champions consecutivas. A briga deve ser boa com o Valencia pela liderança do grupo. O bom momento do futebol espanhol - com cinco representantes - por si só já é suficiente para que a equipe seja observada com atenção. Além disso, o Lyon, que seria seu principal concorrente, está desfalcado do melhor jogador: Fekir, com ruptura do ligamento do joelho. Aos franceses, deve sobrar a Liga Europa.
André Villas-Boas Zenit (Foto: Reprodução / Site Oficial)Saideira: André Villas-Boas já informou que deixará o Zenit ao término da temporada (Foto: Reprodução / Site Oficial)
O CONFRONTO
Zenit x Valencia

Zenit e Valencia se enfrentam em São Petersburgo no dia 24 de novembro, pela penúltima rodada da fase de grupos, em confronto que deve definir a liderança. A esta altura, a expectativa é de que ambos tenham cumprido o que deles se espera e estejam com as vagas encaminhadas para as oitavas de final. O duelo de 16 de setembro, no Mestalla, por sua vez, pode fazer com que essa balança penda para o lado espanhol.
FIQUE DE OLHO
Hulk
A esperança do Zenit na Champions League - e na temporada - passa muito pelos pés de Hulk. Artilheiro do clube nos últimos dois anos, o brasileiro passou a ser a referência solitária do ataque de André Villas-Boas com a venda do venezuelano Rondon para o West Bromwich. Experiência na competição não falta ao atacante, que, em seis edições, entrou em campo 49 vezes e marcou 16 gols. Novo centroavante da Seleção de Dunga, o paraibano e sua canhota assustam os adversários.
Hulk Zenit Dínamo Moscou (Foto: Divulgação Zenit São Petersburgo)Hulk foi o artilheiro do Zenit nas últimas duas temporadas (Foto: Divulgação Zenit São Petersburgo)
Grupo H Champions League (Foto: GloboEsporte.com)Fonte:Globo Esporte