VEJA AS NOVIDADES

29 de setembro de 2015

UEPB: Reitoria, deputados, governo e comandos de greve se reúnem e ampliam negociações para retorno às atividades.

Na última segunda-feira (28), o reitor Rangel Junior; os deputados Buba Germano e Anísio Maia, respectivamente presidente e membro da Comissão de Educação da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB); a secretária executiva de Educação do Estado, Roziane Marinho; e os representantes dos comandos de greve dos professores e técnicos administrativos da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) se reuniram no Campus de Bodocongó, em Campina Grande, para avançar nas negociações para o retorno das atividades na Instituição.

Os parlamentares receberam e assinaram, em conjunto com os comandos de greve e a Administração Central da UEPB, um documento que será encaminhado ao Governo do Estado com propostas relacionadas à pauta de reivindicações das categorias, para que o Executivo Estadual analise cada ponto e seja possível evoluir nos encaminhamentos para o fim da greve. No documento foram apresentadas propostas envolvendo questões de curto, médio e longo prazos relacionadas à vida da Universidade.

Anísio Maia e Buba Germano se comprometeram em empreender todos os esforços para que o diálogo com o governo seja cada vez mais ampliado, tornando possível chegar a uma alternativa que viabilize a Universidade voltar a funcionar. A secretária executiva, Roziane Marinho, ressaltou que a greve causa comprometimentos sociais e é importante chegar a uma solução para o seu fim.

O reitor Rangel Junior considerou muito importante mais esta reunião, principalmente com a participação de representante do governo, uma vez que se avança no diálogo e vai sendo possível criar alternativas para a dissolução de impasses que têm causado inúmeros prejuízos, principalmente para os alunos que estão sem aulas e para a população que utiliza e necessita dos serviços prestados pela UEPB.

Com a entrega do documento, as categorias aguardam a contraproposta do Governo para continuar as negociações. Uma nova reunião deve ser agendada, desta vez com a participação, também, de representantes da Secretaria de Planejamento e Gestão (SEPLAG) do Estado.

Fonte: Condecom UEPB