VEJA AS NOVIDADES

13 de novembro de 2015

iPhone 6S: vendas do desejado celular da Apple começam no Brasil.

O iPhone 6S enfim chega às lojas do Brasil. Quem quiser comprar o celular deverá desembolsar valores que vão de R$ 3.999 a R$ 4.899 pelas versões desbloqueadas e sem contrato de fidelidade, de acordo com o site oficial. Os preços englobam o telefone com tela de 4,7“ e também o iPhone 6S Plus, versão maior com display de 5,5”. Entre as novidades, o sensor de pressão 3D Touch.


Quando um smartphone da Apple tem a letra “S” no final do nome, a gente já sabe logo de cara que se trata de uma evolução da geração anterior. O 6S e o 6S Plus possuem o mesmo desenho industrial que os brasileiros já conhecem do iPhone 6 e iPhone 6 Plus. As maiores mudanças estão nas entranhas e no software do dispositivo.

A Apple incluiu o chipset A9, “o mais poderoso” já presente em um iPhone. É natural que seja assim, pois o produto evolui ano após ano. Ainda assim, a promessa é de uma CPU com desempenho 70% mais veloz e uma GPU com performance 90% mais rápida. Na prática, isso quer dizer que o iPhone 6S está mais rápido na execução de tarefas e reprodução de jogos.

A câmera pulou de 8 MP para 12 MP. Também passou a gravar vídeos em 4K, a altíssima resolução com a qual poucas TVs e notebooks são compatíveis. Quem adquirir o modelo com memória interna de 16 GB não deve abusar do recurso, pois cada minuto de vídeo em 4K consome quase o dobro de espaço, em relação ao vídeo em Full HD (1080p). Os cálculos foram informados por representantes da Apple.

O 3D Touch reconhece o nível de pressão aplicado sobre a tela e permite ver menus especiais, para acompanhar a novidade, diversos aplicativos famosos já incluíram o suporte à tecnologia. No app Mail, ele abre uma prévia das mensagens. Ao tocar com força no ícone de Facebook, aparecem as opções de “Tirar foto/fazer vídeo”, “Enviar foto/vídeo” e “Escrever publicação”. Ao escolher uma opção, o telefone já carrega o app diretamente na tela que permite concluir a tarefa.

A combinação de hardware e software (estamos falando do iOS 9, mais esperto e funcionando bem com a assistente pessoal Siri) ainda mantém o iPhone como um dos melhores celulares do mercado. Entretanto, os brasileiros devem preparar o bolso para pagar os valores pedidos pela Apple. Os preços tabelados são os seguintes:

– iPhone 6S com 16 GB: R$ 3.999;
– iPhone 6S com 64 GB: R$ 4.299;
– iPhone 6S com 128 GB: R$ 4.599;
– iPhone 6S Plus com 16 GB: R$ 4.299;
– iPhone 6S Plus com 64 GB: R$ 4.599;
– iPhone 6S Plus com 128 GB: R$ 4.899.


As operadoras devem oferecer preços mais em conta, a depender do contrato de fidelização assinado pelo cliente. A TIM saiu na frente ao oferecer desconto de R$ 200 para clientes novos e antigos, desde que o iPhone novo seja adquirido em conjunto com um dos novos planos pós-pagos. 


Claro e Vivo devem ir pelo mesmo caminho. A Oi ainda negocia com a Apple a distribuição do produto.

Quem for a uma loja de operadora ou mesmo comprar o iPhone online deverá fazer algumas escolhas. A primeira delas: o tamanho da tela. O iPhone 6S tem display de 4,7“, enquanto o iPhone 6S Plus oferece tela de 5,5“. Em seguida, a cor do aparelho: dourado, cinza espacial, prateado ou ouro rosa. Por fim, o espaço interno: 16 GB, 64 GB ou 128 GB. É pouco recomendável que o consumidor opte pelo modelo com 16 GB, pois ficará limitado na hora de salvar seus arquivos – e dependerá da nuvem da Apple, o iCloud, para basicamente tudo.

Muitas pessoas perguntam sobre o iPhone com 32 GB de armazenamento. Não existe um modelo assim, o que faz do iPhone 6S/Plus de 64 GB a melhor opção para a maioria das pessoas.

E sim, o iPhone novo funciona com o 4G brasileiro. Do ponto de vista técnico, ele é capaz de chegar a velocidades de 300 Mb/s. Nenhuma operadora brasileira oferece uma conexão tão potente no momento.

Fonte: Tech Tudo