Pesquisar este blog

23 de janeiro de 2017

FIM DO ALTERNATIVO: DER propõe criação de 9 cidades polos para regulamentar transporte complementar na Paraíba.

O Departamento de Estradas de Rodagem (DER) apresentou nesta segunda-feira (23), ao Conselho Gestor de Transporte Público Complementar de Passageiro do Estado da Paraíba proposta para regulamentar os transportes alternativos na Paraíba. 

De acordo com o diretor de Transporte e Planejamento do DER, José Arnaldo Souza Lima, vice-presidente do Conselho, o departamento pretende instituir 9 cidades polos (Patos, Serra Branca, Taperoá, Campina Grande, Queimadas, Esperança, Guarabira, Mamanguape e Alhandra)  o estado que servirão como base final dos alternativos.


Exemplificando, José Arnaldo Souza, disse que se um alternativo pegar passageiros em Cajazeiras terá obrigatoriamente que deixá-lo em Patos (cidade polo) e assim sucessivamente com as demais cidades. 

O Conselho, que é formado por 15 entidades, volta a se reunir  em fevereiro para, possivelmente, deliberar sobre uma decisão final sobre a Lei 10.673 instituindo o Serviço de Transporte Público Complementar de Passageiros (STPC/PB), aprovada pela Assembleia Legislativa em abril do ano passado.

A diretoria de Transporte e Planejamento do DER estima que cerca de 7 mil veículos realize o transporte alternativo na Paraíba.Para fiscalizar o chamado transporte público complementar, segundo José Arnaldo, o DER deve propor acordo com a PRF, PM e outros órgãos.

Levantamento do Departamento de Estrada de Rodagem aponta que apenas 150 mil passageiros, em toda a Paraíba, utilizem mensalmente o transporte convencional.  

Fonte: ClickPB