17 de fevereiro de 2017

CASO MEIRYLANE: Menor que participou da morte de universitária em JP disse que dinheiro do assalto era pra ir a uma festa.

O adolescente de 17 anos apreendido suspeito de participar da morte da estudante universitária Meirylane Thaís, de 19 anos, assassinada com um tiro na cabeça, na noite dessa quarta-feira (15), disse que apenas pilotou a moto a convite de um amigo para ‘fazer uma parada’. O dinheiro seria para gastar em uma festa. O menor foi detido no bairro do Roger,em João Pessoa.

Conforme informações do capitão Isaías Souza, da 3ª Companhia do 1º Batalhão, que coordenou as ações para chegar até o suspeito, o menor disse estava com um amigo, que já foi identificado, e ele chamou o adolescente para ir pilotando a moto para ‘fazer uma parada’.
“O adolescente contou que eles estavam atrás de dinheiro para ir a uma festa, aí disse que quando passaram pela jovem, o garupa mandou que ele voltasse para roubar o celular dela e que só escutou o disparo, tendo questionado momento depois da fuga se ele tinha matado a garota”, disse.

O acusado de atirar mora no Porto do Capim, no Varadouro, onde a PM realiza buscas neste momento para encontrá-lo. O adolescente detido foi levado para a Central de Polícia Civil.

FONTE: PB HOJE