Pesquisar este blog

16 de fevereiro de 2017

ITABAIANA: Cinco mil pessoas se despedem de jovem assassinada a tiro durante assalto na Capital.

Cerca de cinco mil pessoas se despediram no final da tarde desta quinta-feira (16) da estudante Meirylane Thaís, 19 anos assassinada com um tiro durante um assalto ocorrido no início da noite desta quarta-feira (15), no centro de João Pessoa. O velório da estudante aconteceu durante toda a tarde desta quinta-feira (16) na Central de Velório Rosa Master, no centro de Itabaiana.


O secretário de Segurança Pública e Defesa Social, Cláudio Lima, o comandante geral da Polícia Militar, coronel Euller Chaves, além de diversos militares participaram do velório.

Ao conceder entrevista à Imprensa, o coronel Euller Chaves disse que não está descartada qualquer hipótese para explicar o assassinato da estudante.

A polícia já está de posse das imagens feitas para câmeras da rua onde o crime aconteceu e que já estão sendo analisadas.

Sobre o crime- Meirylane Thaís,que cursava o 2º período do Curso de Biomedicina de uma universidade particular de João Pessoa, foi assassinada com um tiro durante um assalto ocorrido no início da noite desta quarta-feira (15) no centro de João Pessoa.

O tenente Santana, da Força Tática do 1º Batalhão, contou ao repórter Washington Luiz do Sistema Arapuan de Comunicação que jovem, que tinha 19 anos, caminhava pela Rua Barreto Sobrinho e na esquina com a Rua Adelino Cunha, no bairro de Tambiá, ele foi abordada por dois homens de moto.

Um dos homens, sacou de uma arma, anunciou o assalto e exigiu que a universitária entregasse a bolsa. Ele fez como o bandido mandou e logo em seguida, ele exigiu ela entregasse também relógio.

Nervosa, a estudante demorou a tirar o relógio e nesse momento o homem disparou um tiro acertando a cabeça da estudante que morreu no local. Logo em seguida, os bandidos fugiram levando apenas a bolsa da universitária.

O Serviço de Atendimento Móvel (Samu) foi chamado apenas para constatar o óbito.

Fonte: Paraíba.com.br