Pesquise uma matéria

5 de junho de 2018

A FORÇA DO MOFI: Repórter Mofi denuncia e Procon Municipal fecha Posto na principal dos Bancários por reajuste ilegal no preço do Diesel.

O Procon de João Pessoa interditou o Posto de Combustível da Rede Santo Antônio na principal dos Bancários após o repórter Emerson Marchado (MOFI) denunciar durante uma transmissão ao vivo em seu Instagram que o estabelecimento não estava repassado o desconto de R$ 0,46 no preço do litro do óleo diesel, conforme determinação do governo federal. Segundo o repórter, o posto alegou que não havia óleo diesel para venda. "Era tudo mentira, tinha diesel sim" disse Mofi.


Segundo o repórter do Sistema Correio de Comunicação, desde a última sexta-feira, dia 1º de junho, o ministro da Justiça, Claudenir Brito Pereira, assinou a portaria que trata da criação da Rede Nacional de Fiscalização (RNF), destinada a acompanhar o cumprimento da redução do preço do diesel nas bombas dos postos de combustível, o que não foi constatado nenhum desconto no posto visitado pelo repórter. “Cada cidadão tem que denunciar e chamar a polícia” desabafou o Machado.

Após uma hora de transmissão com milhares de seguidores denunciando a prática extorsiva de alguns postos, o Procon de João Pessoa foi in loco ao estabelecimento e constatou que havia diesel para venda no estoque sem o desconto de R$ 0,46 no preço do litro.

“O posto está lacrado e a multa aplicada poderá chegar até 1 milhão de reais” sentenciou o Secretário Municipal do Procon de João Pessoa, Helton Renê.


Fonte: ClickPB